Postagens

Mostrando postagens de Março, 2020

O Bʀᴇᴠɪᴀ́ʀɪᴏ ᴅᴀ Cᴏɴғɪᴀɴᴄ̧ᴀ

Imagem
Caímos tantas vezes! Senhor, quanta miséria! Por que nos admirarmos de ser a enfermidade enferma, a fraqueza fraca, a miséria miserável? Que somos diante de Deus, que é o Divino Forte, senão fraqueza? Paciência! Nossa miséria é uma doença que não tem cura neste mundo. Nosso Senhor quer a nossa vontade. Ele faz o resto! A santidade não é obra de um dia. Enquanto não tocarmos a nossa miséria com o dedo e não nos convencermos do nada que somos, ainda nos resta muito a caminhar. As quedas têm esta vantagem: ajudam-nos a desprezar-nos, a desconfiar de nossas próprias forças e a só confiar em Deus. Essa é a razão porque caímos tanto.

Estejamos bem convencidos – diz o Padre Caussade (1) – de que nossa miséria é a causa de todas as nossas fraquezas e de que estas, Deus as permite por misericórdia. Sem isso, nunca nos curaríamos de uma presunção e de uma orgulhosa confiança em nós mesmos. Jamais compreenderíamos, como é preciso, que todo mal vem de nós e todo o bem somente de Deus. Só com “um m…

FAMÍLIA – LUZES NO LAR

Imagem
Ponto de luz«Às vezes, fala-se do amor como se fosse um impulso para a satisfação própria, ou um simples recurso para completarmos em moldes egoístas a nossa personalidade. E não é assim: o amor verdadeiro é sair de si mesmo, entregar-se. O amor traz consigo a alegria, mas é uma alegria com as raízes em forma de cruz… O amor deve ser renovado dia a dia; e o amor se ganha com o sacrifício, com sorrisos, com arte também»  (Entrevistas a Mons. Escrivá, nn. 43 e 107).

Um projeto a ser realizado

São Josemaria falava sempre de que os lares cristãos deveriam ser «luminosos e alegres».

Enchem-se de luz os lares em que o casamento e a família são vistos como um «projeto» a ser realizado dia após dia, entre os três (marido, mulher e Deus). Entendem que o matrimônio cristão é – como o sacerdócio – uma «vocação» e uma «missão», que o dia das núpcias é apenas um início, que exigirá um aprendizado, uma retificação, um aprimoramento e uma renovação contínuos[1].

Alguém dizia, com aparente seriedade, qu…

Origem e sentido da Bênção de Santo Antônio

Imagem
Nossos termos “abençoar” e “bendizer”, dos quais deriva o substantivo “bênção”, originam-se do Latim “benedicere”. Este verbo composto é formado dos radicais bene e dicere, que significam “dizer bem”.
A palavra bênção, com os verbos “abençoar”, “benzer”e “bendizer”, expressa, em sua própria essência, uma atitude religiosa, uma relação entre o homem e o sobrenatural. Mostram um vínculo de reciprocidade entre o humano e o divino. É a divindade que concede os seus dons e dádivas (suas bênçãos) e o homem que pede as bênçãos e bendiz e agradece ao recebê-las.
Por isso, vale dizer que o sentido mais amplo de bênção é “invocar a divindade, a sua proteção sobre as pessoas e sobre as realidades humanas”. E, ao receber essa proteção e seus benefícios o homem bendiz e louva.
Vale também lembrar, aqui, o fato de que a procura de bênçãos, ultimamente, foi de novo revalorizada. Inclusive, em manifestações supersticiosas e deturpadas. Mas, seja como for, o importante que se pode notar, é que o sentido …

Pequena oração de exorcismo ensinada por Santo Antônio

Imagem
Para rezar a qualquer momento do dia e afastar as tentaçõesA tradição popular diz que Santo Antônio deu uma oração a uma pobre mulher que procurava ajuda contra as tentações do demônio. Sisto V, Papa franciscano, mandou esculpir a oração – chamada também de “lema de Santo Antônio” – na base do obelisco que mandou erigir na Praça de S. Pedro, em Roma. Eis o original, em latim: Ecce Crucem Domini! + Fugite partes adversae! + Vicit Leo de tribu Juda, + Radix David! Alleluia!
Eis a tradução: Eis a cruz do Senhor! + Fugi forças inimigas! + Venceu o Leão de Judá, + A raiz de David! Aleluia !
Esta breve oração tem todo o sabor de um pequeno exorcismo. Também nós podemos usá-la – em latim ou português – para nos ajudar a superar as tentações que se nos apresentam.
https://pt.aleteia.org/2016/02/03/pequena-oracao-de-exorcismo-ensinada-por-santo-antonio/

MANUAL DA COMUNHÃO ESPIRITUAL

Imagem
O que é a Comunhão Espiritual? A comunhão espiritual é um ato de desejo interior, de plena e séria consciência, de receber a Sagrada Comunhão e, mais especificamente, de se unir a Deus. Ela pode ser feita por palavras ou por pensamentos interiores que nos levam a uma íntima união com Cristo, e Jesus não deixará de nos conceder as suas copiosas bênçãos. Nos dias de hoje, podemos fazer com frequência a comunhão espiritual, como desejo de maior união e intimidade com Deus ao longo dos dias da nossa vida. Ela é e pode ser o único meio de união e intimidade com Deus para quem, por exemplo, não guardou uma hora de jejum eucarístico.
Sobre a Comunhão Espiritual explicada por São Leonardo Porto Maurício QUANTO À MANEIRA de fazer a Comunhão espiritual é preciso saber que se pode receber o Santíssimo Sacramento de três modos: Sacramentalmente, espiritualmente, ou sacramentalmente e espiritualmente ao mesmo tempo. Não se fala aqui do primeiro modo, que se verifica também nos que comungam em estado de pecado mortal, como f…

Dicas de Filmes Católicos

Imagem
Seleção de filmes católicos pra assistirmos nessa quarentena

Santa Faustina:
https://youtu.be/AxfJjgfOc-M

Santa Teresa de Ávila
https://youtu.be/EA-SrDzr_Q0

Karol, o homem que se tornou Papa
https://youtu.be/E4vAkCOC9Ek

Santa Teresinha:
Filme 1: https://youtu.be/tiinM-8EYfw
Filme 2: https://youtu.be/N76Mb6U_mXY

Santa Catarina de Labouré:
https://youtu.be/jgs9JgZdPCs

São Josemaria Escrivá: 
https://youtu.be/nbJu3-bv1gg

Santa Bernadete
https://youtu.be/YoNePpyMu6E

Dr. Giuseppe Moscati
Parte 1 https://youtu.be/nG1hThclcyc
Parte 2 https://youtu.be/hZoHDyoaO9k

São Padre Pio:
https://youtu.be/5ckRz-ZbJUQ

São João da Cruz:
https://youtu.be/ljR7V5tJ0zs

Damião 
https://youtu.be/NHwHKBTmQE0

Santa Benedita da Cruz - Edith Stein
https://youtu.be/BEqFPqeVilA

São Maximiliano Maria Kolbe 
https://youtu.be/AiWR32AyZZU

Santa Maria Mazzarello
https://youtu.be/qGhzA3cXqf8

Bem aventurado Píer Giorgio
https://youtu.be/NY_KrgVYuiE

São Vicente de Paulo
https://youtu.be/T0lsrisXqvA

O Papa do sorriso Joao Paulo I
https://youtu.be/hfuoA1elgzU

Nos…

ESCOLHA CONTRIBUIR!!

A decisão particular e pessoal contribuirá e muito para o bem de muitos. Caso possa, não saia, adie encontros e reuniões, use esse tempo necessário de reclusão para colocar em ordem coisas que pela falta de tempo você não consegue. O tempo é de recolhimento, coincidentemente é o que a quaresma nos pede. A modéstia, moderação o sacrifício; obrigatoriamente muita coisa agora vai precisar esperar. O nosso interesse pessoal precisa agora estar voltado para o interesse coletivo, nossa cautela irá  proteger os mais vulneráveis. O vírus pode não ser perigo pra você, mas pode ser letal para outros. Não podendo ir a missa, ao sacrário, grupo de oração, mantenha sua oração pessoal em dia.
Nada de desespero, O SANGUE DE CRISTO NÃO PERDEU SUA EFICÁCIA E JAMAIS PERDERÁ. AO QUE CRÊ TOME POSSE DESSA VERDADE! Em Naum 1, 7 diz: Iahweh é bom; ele é abrigo no dia da tribulação. Ele conhece aqueles que nele se refugiam.


- Evite abraços, beijos, apertos de mão; - Não toque na boca; - Não toque no nariz; - Se estiv…

Você não consegue melhorar? Tente a humildade

Imagem
Não fique obcecado em subir a qualquer custo, há algo mais importanteAmontanha é uma imagem da Quaresma. Partindo do deserto, na planície, eu subo a montanha. Saio do vale e subo até os cumes. Eu gosto de escalar montanhas. O esforço me assusta no início. Então eu vou devagar, passo a passo. E à medida que avanço, melhora. O sol, o calor, o cansaço, tudo pesa. Mas eu não me desespero. Espero chegar ao cume. É o desejo da alma, não baixar a guarda, não jogar a toalha, não parar de lutar. Quero alcançar o lugar mais alto e tocar o cume mais alto. O coração não está satisfeito em viver no vale, na planície, onde falta altura para ver a paisagem que me cerca. Muitas vezes as árvores não me deixam ver a floresta. Os problemas me perturbam e não me deixam provar a vida, aproveitar o que funciona no meu ambiente. O coração anseia pelos cumes, sonha em subir ao topo e daí ter uma vista privilegiada do vale. Eu quero avançar. No caminho, um passo segue o outro. E o coração continua sonhando. Quando v…

Por que a vida espiritual é diferente para cada pessoa?

Imagem
Cada um de nós é criado de forma única, e o que funciona para algumas pessoas pode não dar certo para outrasAvida dos santos o intimida? Eles tiveram vidas sagradas e corajosas, muitos passaram noites inteiras em oração ou sem comer um único pedaço de pão durante o dia. Mas será que podemos viver de acordo com o exemplo deles? A boa notícia é: não! Ou seja, nunca teremos a mesma vida espiritual que eles tiveram! Não copiamos (e não devemos) copiar tudo o que eles fizeram! São Francisco de Sales explica em sua “Introdução à Vida Devota”: “Quando Deus criou o mundo, ele ordenou que cada árvore desse frutos segundo sua espécie; e mesmo assim Ele pede aos cristãos – as árvores vivas de Sua Igreja – que produzam frutos de devoção, cada um de acordo com sua espécie e vocação. ” Cada um de nós é criado por Deus de forma única e irrepetível, e o que funciona para algumas pessoas pode não dar certo para outras. São Francisco de Sales passa a oferecer alguns exemplos concretos: “Seria apropriado que…

Por que eu rezo e o sofrimento não acaba?

Imagem
Em Jesus, amor e sofrimento se tornam uma coisa sóPor que eu rezo pelo alívio do meu sofrimento, mas Deus não dá um fim nisso? Essa é uma pergunta difícil, pois está ligada ao problema do sofrimento. O problema da dor. O problema do mal. Estamos acostumados a pensar nisso de uma maneira abstrata, mas quando o sofrimento atinge nossa vida real, as respostas do Catecismo sobre Deus podem nos dizer muito (embora, muitas vezes não queiramos ouvir). Eu tive que pensar sobre isso quando um leitora levantou a questão comigo. Comecei dizendo a ela que entendia por que as respostas tradicionais a deixam sem graça. Quando minha mãe estava morrendo, ela me perguntou – através de uma máquina, porque ela não podia falar, nem comer, nem se cuidar: “Por que Deus permite isso?”. Todas as chamas sobre Deus trazendo o bem me pareciam inadequadas naquele momento. Então, eu apenas a olhava com lágrimas nos olhos, incapaz de falar. Na mesma época, descobrimos que o grupo católico ao qual eu havia dedicado min…