Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2013

A porta estreita

Imagem
A especulação sobre o número dos que se salvam não é novidade. Jesus também foi questionado sobre isso, e sua resposta deixa claro: em vez de especular sobre a quantidade dos que serão salvos, é fundamental esforçar-se para entrar por uma porta estreita, enquanto é tempo.
Trata-se, bem sabemos, de entrar na vida eterna, na plenitude do reino de Deus, no convívio dos que com o Senhor têm tudo para sempre. Até lá, agora é o tempo que temos para agir, para encontrar a porta estreita que leva à eternidade. Uma porta estreita que podemos chamar de justiça, misericórdia, fraternidade. O capítulo sexto do Evangelho de Lucas mostra quem nos conduz a essa porta: os pobres, os famintos,os tristes e os perseguidos. Indo a eles, chegamos à porta estreita. Estando com eles, sendo solidários com eles, poderemos atravessar a porta estreita, tendo deixado cair de nossa vida aquilo que é supérfluo e pesa no caminho: posses, títulos, arrogâncias, preconceitos e tudo mais.
É que desta vida nada se leva, s…

Santa Rosa de Lima - Filme Completo (Legendado)

Pensamento de São Bernardo de Claraval

PENSAMENTOS DE SÃO BERNARDO DE CLARAVAL

"Nos perigos, nas angústias, nas dúvidas, pensa em Maria, invoca Maria. Que ela não se afaste dos teus lábios, não se afaste de teu coração".

"Tudo o que temos de benefícios de Deus, nós o recebemos pela intercessão de Maria. E por que é assim? Porque Deus assim o quer".

"Quem somos nós, e qual a nossa força para resistirmos a tantas tentações? Certamente era isso que Deus queria: que nós, vendo a nossa insuficiência e a falta de auxílio, recorressemos com toda humildade à sua misericórdia".

"Maria recebeu de Deus uma dupla plenitude de graça. A primeira foi o Verbo eterno feito homem em suas puríssimas entranhas. A segunda é a plenitude das graças que, por intermédio desta divina Mãe, recebemos de Deus".

"O avarento está sempre faminto como um mendigo, nunca chega a ficar satisfeito com os bens que deseja. O pobre, como senhor de tudo, os despreza, pois não deseja nada".

"A oração controla nossos…

São Bernardo de Claraval

Imagem
História de São Bernardo
São Bernardo nasceu em 1090, no Castelo de Fontaine, região de Borgonha, França. Filho de um nobre chamado Tescelin Sorrel, o Vermelho e de Aleth de Monthbard, mulher virtuosa venerada como bem aventurada. Teve sete irmãos dentre os quais era o terceiro. Bernardo sempre se destacou pela inteligência e pela beleza física. Aos 9 anos foi para a escola canônica, e destacou-se principalmente na literatura.
A vocação de São Bernardo Em 1112, aos 22 anos, Bernardo entra na Abadia de Cister, também em Borgonha. Esta abadia era um mosteiro cisterciense fundado por São Roberto de Molesme.
Foi então que Bernardo convenceu mais de trinta homens, irmãos, tios e vários amigos a entrarem para a ordem, causando enorme surpresa e alegria para a Abadia e para Santo Estevão Harding, abade sucessor do fundador São Roberto.
São Bernardo de Claraval Bernardo era homem de estudo e oração, praticando com austeridade a regra do mosteiro, a mesma escrita por São Bento. Bernardo dedicava…

Ladainha de São João Eudes

Ladainha de São João Eudes "Te saudamos, Coração amantíssimo de Jesus e de Maria. Vos adoramos, vos glorificamos, vos damos graças. Vos amamos com todo nosso coração, com toda nossa alma, com todas nossas forças. Vos oferecemos nosso coração: recebei-lo, tomai posse dele totalmente”. Coração divino de Jesus, tende piedade de nós. Coração amante e manso, tende piedade de nós. Coração humilde e misericordioso, tende piedade de nós. Coração do eterno Pai, tende piedade de nós. Principio do Espírito Santo, tende piedade de nós. Coração fiel a divina vontade, tende piedade de nós. Coração de Jesus, Coração da Virgem Mãe, tende piedade de nós. Coração ferido pela lança, tende piedade de nós. Coração sacerdotal, tende piedade de nós. Fortaleza dos fracos, tende piedade de nós. Refúgio dos pecadores, tende piedade de nós. Cordeiro incendiado no amor pelos homens, tende piedade de nós. Alegria e esperança de nosso coração, tende piedade de nós. Coração amado de nosso coração, tende piedade de nós. Vida e no…

Sobre São João Eudes

O santo deste dia foi definido por São Pio X como "autor, pai, doutor, apóstolo, promotor e propagandista da devoção litúrgica aos sagrados Corações de Jesus e Maria". São João Eudes nasceu na Normandia, em 1601, num tempo em que o século XVII estava sendo marcado pelo jansenismo, quietismo e filosofismo.

Ao viver numa família religiosa, João estranhou quando externando seu desejo de consagrar-se a Deus encontrou barreiras com o seu pai, que não foram maiores do que o chamado do Senhor, por isto com 24 anos estava sendo ordenado Sacerdote. Homem de Deus, soube colher e promover os frutos do Espírito para a época, tanto assim que foi importantíssimo para a renovação e formação do Clero, evangelização das massas rurais e difusão da espiritualidade centrada nos Corações de Jesus e de Maria, a qual venceu com o amor afetivo de Deus as friezas e tentações da época.

São João Eudes com suas inúmeras missões e escritos influenciou fortemente todo o seu país e o mundo cristão. Depo…

A Gloriosa Assunção de Nossa Senhora

A Assunção Gloriosa de Nossa SenhoraTexto de apologética provando a Assunção de Nossa Senhora aos Céus, de corpo e alma.A Assunção Gloriosa de Nossa Senhora aos Céus. A Assunção de Nossa Senhora foi transmitida pela tradição escrita e oral da Igreja. Ela não se encontra explicitamente na Sagrada Escritura, mas está implícita. Os protestantes acreditam que a Mãe de Deus, apesar de ter sido  o Tabernáculo vivo da divindade, devia conhecer a podridão do túmulo, a voracidade dos vermes, o esquecimento da morte, o aniquilamento de sua pessoa. Vamos analisar o fato histórico, segundo é contado pelos primeiros cristãos e transmitido pelos séculos de forma inconteste. Na ocasião de Pentecostes, Maria Santíssima tinha mais ou menos 47 anos de idade. Depois desse fato, permaneceu Ela ainda 25 anos na terra, para educar e formar, por assim dizer, a Igreja nascente, como outrora ela educara, protegera, e dirigira a infância do Filho de Deus. Ela terminou sua “carreira mortal” na idade de 72 anos,…

Quarentena de São Miguel Arcanjo

Imagem
Quarentena
de 15 de agosto a 29 de setembro (Festa de São Miguel)


A Quarentena é muito simples. Todos os dias, a partir de 15 de agosto até o dia de São Miguel em 29 de setembro,
rezar diante do Santíssimo Sacramento o que vamos sugerir abaixo:
* Acender uma vela abençoada.
* Oferecer uma penitência.
* Fazer o sinal da cruz.
* Rezar a oração inicial.
* Rezar a Ladainha de São Miguel.
* Rezar a Ladainha do Preciosíssimo Sangue
* E por fim, rezar a Consagração a São Miguel e o Rosário de São Miguel (ou dos Anjos) Se, por algum motivo, não ouver possibilidade de se fazer diante do Santíssimo Sacramento,
pode-se fazer diante de uma imagem ou estampa de São Miguel.
É no altar do coração que devemos rezar estes 40 dias.
Oração Inicial "São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede o nosso refúgio contra as maldades e ciladas do demônio.
Ordene-lhe Deus, instantemente o pedimos, e vós, príncipe da milícia celeste, pela virtude divina,
precipitai no inferno a satanás e aos outros espíritos malign…

Ninguém tem maior amor do aquele que dá a vida pelos seus amigos

Imagem
Da Homilia do Solene Rito de Canonização de São Maximiliano Maria Kolbe, pelo Bem-aventurado Papa João Paulo II.
A partir de hoje a Igreja deseja chamar "Santo" um homem a quem foi concedido realizar de maneira absolutamente literal as referidas palavras do Redentor.
De fato, no final de Julho de 1941, quando por ordem do chefe do campo foram colocados em fila os prisioneiros destinados a morrer de fome, este homem, Maximiliano Maria Kolbe, apresentou-se espontaneamente, declarando-se pronto a morrer em substituição a um deles. Esta disponibilidade foi acolhida, e ao Padre Maximiliano, após mais de duas semanas de tormentos por causa da fome, foi enfim tirada a vida com uma injeção mortal, a 14 de Agosto de 1941.
Tudo isto ocorreu no campo de concentração de Auschwitz, onde foram levadas à morte durante a última guerra cerca de quatro milhões de pessoas, entre as quais também a Serva de Deus Edite Stein (a carmelitana Irmã Teresa Benedita da Cruz), cuja causa de Beatificação es…

São Ponciano e Santo Hipólito

INFormação Católica: Apresentadora evangélica desabafa sobre críticas q...

INFormação Católica: Apresentadora evangélica desabafa sobre críticas q...: Evangélica elogia o Papa e é criticada por irmãos na fé Mariana Sasso é apresentadora de um programa de esportes na TV Cearense e eva...

Santa Clara e Francisco - Filme

O tesouro do reino

Imagem
Esta liturgia quer suscitar em nós o espírito de constante vigilância e serviço, tendo o coração voltado para Deus.O reino que ele nos oferece por meio de seu Filho é o verdadeiro tesouro que os ladrões não roubam nem a traça corrói. Com confiança e fé,celebremos em comunhão com os vocacionados para a vida em família, especialmente com nossos pais.

Jesus nos convida hoje a ajuntar um tesouro no céu e a fortalecer a fé no Deus que deseja dar-nos seu reino.
Se, diante da violência, da tragédia, da doença e da morte, o medo paralisa, a confiança em Deus faz ir além, pois ter fé é dar espaço para que Deus aja em nós e nos outros.
Esse reino que Deus quer nos dar, nós o vamos descobrindo já aqui, à medida que nos decidimos a agir de acordo com aquilo que o Mestre nos ensinou, à medida que nos decidimos a ajuntar um tesouro que não é dinheiro e não são bens materiais, mas ações de bondade que levamos para a eternidade.
E as palavras de Jesus nos levam a perguntar onde estará hoje o nosso coraçã…

Sobre São Lourenço

Edith Stein (Santa Benedita da Cruz) - Filme Completo e Legendado

Santa Tereza Benedita da Cruz (Edith Stein)

Imagem
Edith Stein, a caçula de uma numerosa família hebraica, nasceu em 12 de outubro de 1891 em Breslau, Alemanha. Antes de completar dois anos ficou órfã de pai. A pequena Edith era de temperamento forte, vivaz e independente. Ademais, demonstrava uma inteligência muito precoce, que lhe proporcionou o primeiro lugar da classe durante toda a sua vida escolar. Crescendo numa família praticante da religião judaica, ela acreditava em Deus e a Ele dirigia suas preces. Jovem filósofa à procura da Verdade Porém, ao atingir a adolescência, perdeu a fé na existência de Deus, parou de rezar e abandonou os estudos. Ela própria relatou mais tarde: "Com plena consciência e por livre decisão, deixei de rezar. Meus anseios de conhecer a Verdade eram minha única oração." Aos 14 anos, decidiu retomar os estudos colegiais, para ingressar na universidade. E em 1911 matriculou-se, não em um, mas em três cursos: Filosofia, Língua Alemã e História. Naquela época era pouco comum uma mulher cursar a univer…